Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Zanadu!

Crónicas de Timbuktu, Trevim e Lisboa (nos melhores dias)

Zanadu!

Crónicas de Timbuktu, Trevim e Lisboa (nos melhores dias)

Acerca de magia de índole cartográfica

por Tiago, em 10.06.15

Ao ler "As Aventuras de Três Ingleses e Três Russos" de Júlio Verne, chego à conclusão que os meus objectos preferidos desde puto são mapas, de tudo e mais alguma coisa: globos terrestres, mapas das estradas, cartas militares,...tudo! É fascinante olhar para uma remessa de lugares estranhos e perceber, por exemplo, que Nome é o nome de uma cidade no Alasca ou que a ilha do Elefante não passa de um rochedo gelado nos mares do Sul.

A ideia de representar o Mundo numa folha de papel é megalómana, inspirada e eminentemente genial. Na novela de Júlio Verne, a equipa anglo-russa viaja pelas florestas da África do Sul com o objectivo de medir o meridiano terrestre e ter assim uma referência indestrutível para a definição do sistema métrico. É um livro algo improvável onde os heróis são astrónomos, cartógrafos e matemáticos com um saudável gosto pela aventura, tão típico nas histórias de Verne.

Voltando ao tema inicial, existe uma magia qualquer em olhar para um mapa, planear um passeio, chegar ao sítio, sobrepor as nossas ideias pré-concebidas à realidade e perceber que esta estrada não era bem aquela que queria, que aquela lomba é uma subida do caraças que nunca mais acaba, etc. Tão bom como o passeio em si, é a possibilidade de o planear com um mapa aberto em frente e sonhar com tudo aquilo que nos espera.

Ah e larguem a porcaria do GPS, os mapas em papel são muito mais divertidos até pelos sítios improváveis que já conheci à pala dos ligeiros erros de navegação que vão surgindo.

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Mais sobre mim

foto do autor

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D

Links

Blogs